Inscrições para a Olimpíada de Matemática terminam sexta


Inscrições para a Olimpíada de Matemática terminam sexta
 Inscrições para a Olimpíada de Matemática terminam sexta
O concurso será realizado em duas etapas: a primeira prova será no dia 21 de maio e a segunda no dia 28 de setembro.

As escolas têm até a próxima sexta-feira (15) para se inscreverem na 15ª edição da Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). Para entrar na disputa, é preciso acessar o endereço www.obmep.org.br e preencher o formulário com as informações necessárias.


Realizada pelo Instituto de Matemática Pura e Aplicada (IMPA), a Olimpíada é destinada aos estudantes do 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental e do Ensino Médio das escolas públicas municipais, estaduais, federais e escolas privadas, que concorrem a prêmios, de acordo com a sua classificação nas provas. A inscrição deve ser feitas pelo diretor ou professor responsável pela competição na unidade de ensino.

O concurso será realizado em duas etapas: a primeira prova será no dia 21 de maio e a segunda no dia 28 de setembro. Todos os inscritos participam da primeira prova, que será realizada na própria escola onde o aluno estuda. O desafio é resolver 20 questões de múltipla escolha. De acordo com o desempenho nesta fase, a Olimpíada seleciona aproximadamente 5% dos estudantes por escola e com melhor pontuação. Estes alunos vão para a segunda fase. A relação dos vencedores será divulgada em dezembro.

De acordo Wellington Rosa de Azevedo, da Assessoria de Apoio Curricular e Educação Ambiental da Secretaria de Estado da Educação (Sedu), a OBMEP é mais uma ferramenta que estimula o estudo da Matemática entre alunos e professores de todo o Brasil. "Além de testar os conhecimentos, a Olimpíada permite aos estudantes a possiblidade de ampliar sua visão de mundo e abrir diversos caminhos acadêmicos ligados ao campo da Matemática", disse.

Wellington destaca, ainda, que "o Programa Matemática na Rede, com os resultados significativos obtidos nas últimas edições e diante às resoluções das questões da prova, também ajudam no desenvolvimento do pensamento matemático dos alunos e, assim, somam ao desempenho deles nas Olimpíadas de Matemática", afirmou.

Maria Clara Pereira de Souza, aluna da Escola Eurico Salles, em Itaguaçu, recebeu, em 2018, sua segunda medalha de prata por bom desempenho na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas. "Tem três anos que participo da OBMEP e, em 2017, conquistei uma medalha de ouro. Entrei em êxtase ao ver que meus estudos me renderam mais uma ótima colocação nessa olimpíada. Desde que a conheci, tenho me dedicado muito e venho alcançando bons resultados, e com eles, oportunidades únicas como eventos e viagens, que só se tornaram possíveis com a prova", finalizou.
OBMEP

A OBMEP, iniciada em 2005 visa estimular o estudo da Matemática e revelar talentos na área. Para incentivar a participação dos alunos, são distribuídos materiais didáticos, oferecidas bolsas de iniciação científica para os alunos e reconhecimento aos educadores, às escolas e às Secretarias de Educação.

A premiação é concedida separadamente para alunos de escolas públicas e privadas.  Aos primeiros serão concedidas 6.500 medalhas (500 para categoria ouro, 1.500 para categoria prata e 4.500 para o bronze) e até 46.200 certificados de Menção Honrosa. Estudantes de instituições particulares receberão 975 medalhas, sendo 75 para categoria ouro, 225 para prata, 675 bronze e até 5.700 certificados de Menção Honrosa.


 Fonte: Jornal Fato


             

Sobre o Autor

Valdivino Sousa é Professor,  Matemático, Pedagogo, Contador, Bacharel em Direito, Mestrado em Ciências da Educação Matemática e Escritor. Criador do método X Y Z que facilita na aprendizagem de equação e expressão algébrica com objetos ilustrativos. Docente nos cursos de Matemática, Ciências Contábeis, Administração e Engenharia. Autor de mais de 15  livros e têm vários artigos publicados em revistas e jornais especializados.  Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Equações Diferenciais Parciais, Matemática Computacional e Engenharia Didática, atuando principalmente nos seguintes temas: métodos numéricos, equações diferenciais, modelagem, simulações e  didática no ensino de Matemática. Além da Matemática atua há mais de 20 anos em Contabilidade e desde 2005 é Contador responsável da Alves Contabilidade. Outras atividades: Programador Web, Estrategista de Conteúdo e mídias digitais, Blogueiro Mtb 60.448. Semanalmente escreve para o portal D.Dez, Jornal da Cidade e Folha Online. Sobre: Comportamento, Educação Matemática e Desenvolvimento da Aprendizagem. E-Mail: valdivinosousa.mat@gmail.com Whatsap: 11 – 9.9608-3728 Veja Biografia

   

COMPARTILHE
Postagem Anterior
Próximo Post